ABRACERVA tem reunião com o MAPA para abordar questões normativas do comércio de cerveja em growlers

Carlo Lapolli, presidente da ABRACERVA esteve no MAPA em reunião marcada para alinhar as práticas de serviço e questões normativas no uso dos growlers na comercialização de cervejas.


Os growlers são embalagens retornáveis, que incentivam o consumo sustentável de cervejas produzidas localmente. Além de fomentar a economia regional, os growlers dão maior liberdade de escolha aos consumidores, que podem comprar o chope de sua preferência, na quantidade que desejar para consumir onde e com quem quiserem.

Esta prática vem tomando conta do país e criando muitas oportunidades de negócio, como a abertura de pontos próprios para o enchimento dos growlers, otimizando a logística e distribuição do chope, tradicional gargalo da indústria.

Entretanto alguns cuidados devem ser tomados – como no envase, sanitização e limpeza, por exemplo – para que a experiência seja completa e prazerosa.

É importante ressaltar que a proposta do growler é de consumo imediato, ou seja, depois de aberto o conteúdo deve ser consumido em até 48 horas, ou talvez um pouco mais dependendo do estilo da cerveja, quantidade de lúpulo da receita e carbonatação.

A durabilidade antes de aberto vai depender do método de envase, que pode ser de uma semana até 30 dias. Veja abaixo as 3 formas mais comuns:

AS 3 FORMAS MAIS COMUNS DE ENVASE

1. Direto da torneira

Essa é a forma mais comum e a que garante a menor durabilidade, já que durante o processo a cerveja entra em contato com o oxigênio e a partir deste momento passa a oxidar. Além disso gera desperdício, muita sujeira e espuma.

2. Enchimento inferior

Neste método é utilizado uma mangueira de silicone atóxica instalada no bico da torneira cujo o outro extremo irá repousar no fundo do growler, ou seja, o growler será enchido de baixo para cima, desta forma somente uma lâmina de cerveja terá contato com o oxigênio evitando excesso de espuma e garantindo uma durabilidade média.

3. Contrapressão

Esta é a forma mais indicada para o envase, inclusive, existem equipamentos próprios no mercado. O método consiste em primeiramente encher o growler com CO2, expurgando o oxigênio. Em seguida preenche-se com cerveja, assim, sem contato algum com o oxigênio. Neste caso a durabilidade da cerveja, fechada e refrigerada, será 30 dias ou mais. Lembrando que depois de aberta deverá ser consumida em até 48 horas.

Outro fator que pode influenciar na qualidade é o prazo de validade da cerveja e a limpeza do recipiente.

Fonte: My Growler

#ABRACERVA #CervejaArtesanal #Growler #MAPA

©2020 por Cerveja em Foco. Desde 2014