Cerveja Sol: uma análise de posicionamento

A marca de cerveja Sol, hoje pertencente ao Grupo Heineken, chegou ao Brasil em meados da década de 90 e evolui sua receita e posicionamento conforme o mercado nacional.


Presente em mais de 70 países, a cervejaria buscou incorporar parte da cultura local em suas unidades. Enquanto no México produzia versões com sal, limão e até pimenta, no Brasil inovou com versões mais leves ("nem forte, nem fraca, no ponto"), embalagem de menor tamanho, trazendo a primeira garrafa de 250ml para o país, com a ideia de um consumo mais rápido e mais gelado. Baseada em pesquisas de consumo, a Sol procurou adaptar sua cerveja para o gosto brasileiro, pensando sempre em um clima tropical, refrescante e leve.


Em 2014 adotou para o Brasil a receita original mexicana (mais intensa) com o posicionamento Premium, repensando a roupagem da marca, assumiu um novo slogan: "Espíritu libre", que não se rende ao conformismo e faz as coisas do seu jeito. Esse novo posicionamento permitiu que a marca pudesse agregar valor nas prateleiras, visto que o preço de compra aumentou, sempre associando a bebida a momentos de lazer, praia, piscina e sol.


A marca foi visionária ao adotar a garrafa transparente e o uso do limão para servir, que posteriormente foi desafiada por sua concorrente Corona Extra (Ab Inbev), chegada ao Brasil em 2014. É visível como as marcas compartilham valores próximos, vendem a ideia de cerveja refrescante, leve, para os dias de sol. Mas isso não parou a cerveja Sol.


Em novembro de 2020 a Cervejaria Sol anunciou que suas operações no Brasil passaram a ser produzidas exclusivamente com energia solar o que deu origem a mais uma virada com uma campanha de mestre.


Fez uma parceria com Vitor Kley, cantor da música " O Sol", uma das músicas brasileiras mais ouvidas em 2018, produzindo um novo clipe em dezembro de 2020 para complementar a novidade do mês anterior.


O clipe inteiramente produzido com luz solar, tem um clima descontraído, vivo e com as cores da marca (muito amarelo), e claro, muita cerveja Sol junto à letra da música. Isso significa reforçar seu último slogan: "Taste the Sun", que faz alusão a sentir o sol de diversas maneiras e se beneficiar de sua energia positiva. Essa metáfora, vem carregada de consciência, que procura engajar seu consumidor com a nova missão da marca de produzir cerveja com energia limpa.


E por que essa é uma campanha de mestre? Porque dessa forma, a marca vai além da cerveja e busca mostrar que incorpora seus próprios valores de viver a energia do sol em todos os momentos, evidenciando que a energia positiva do sol é tão real, que pode chegar a produzir cerveja. Essa filosofia na prática, vende muito mais que somente a ideia de um dia quente refrescado pela cerveja.


A forma como a marca quer ser vista faz com que ela se mexa para se adaptar ao mercado e suas exigências, esse tipo de ação não ocorre porque a empresa como um todo está preocupada genuinamente com a questão ambiental, é uma percepção de como pode ser relevante para o consumidor em escolher sua marca por um posicionamento que lhe agrada. Não é uma estratégia nova, não é a primeira e nem vai ser a última.


Nos últimos anos, vemos um crescente interesse por parte das empresas, de mostrarem suas preocupações com o meio ambiente, com os problemas sociais, apoio às minorias, etc. e suas ações que provem que essas preocupações não estão só no papel. Esse fenômeno tem a tendência de crescer cada vez mais, visto que o consumidor está mais exigente e está cobrando posicionamento das marcas que consome e isso também inclui o cuidado em perceber quando a marca se utiliza de oportunismo para crescer em determinado público.


Portanto, o estudo de marketing deve ser essencial para uma marca e deve englobar diversos setores de uma empresa, pensando de maneira sistemática e completa.





©2020 por Cerveja em Foco. Desde 2014