Entenda mais sobre o BJCP e como se tornar um juíz

Atualizado: Fev 22

O Beer Judge Certification Program - BJCP é uma organização sem fins lucrativos criada em 1985 nos Estados Unidos pelo movimento cervejeiro, junto a American Homebrewer Association e a Home Wine Beer and Trade Association.


Esse programa treina e certifica juízes de bebida pelo mundo inteiro, além de cerveja, também há o programa de hidromel e sidra. Funciona como uma forma de autenticação de conhecimento sobre a cerveja e auxilia a treinar e qualificar juízes para competições de cerveja.


Seus objetivos são:

- Encorajar o conhecimento, o entendimento e a apreciação dos diversos estilos de cerveja, hidromel e sidra do mundo;

- Promover e reconhecer habilidades de comunicação e degustação de cerveja, hidromel e sidra;

- Desenvolver ferramentas, métodos e processos para a estrutura de avaliação, classificação e feedback de cerveja, hidromel e sidra.


Hoje conta com mais de 7 mil juízes ativos no mundo que tem categorias de reconhecimento e são aptos a realizar avaliações de cerveja de acordo com o guia de estilos do BJCP.


O guia de estilos


É exatamente isso, um guia! Um compilado de informações sobre as classificações de cerveja, indicando como cada estilo deve ser, desde a produção e ingredientes, até os detalhes sensoriais e visuais. Com mais de 150 estilos listados, é muito utilizado em concursos de cerveja caseira, servindo como base para classificar e rankear as cervejas.


Para concursos comerciais, é comum utilizar o guia da Brewers Association - BA.


Como se tornar um juíz certificado


Você precisa entrar no site https://www.bjcp.org/ para se cadastrar. O primeiro passo é realizar a prova online que custa $10 (dóls), são 180 questões para responder em até 1h (existe a possibilidade de comprar três tentativas por $20). Eles recomendam que não se faça a prova se você não estudar, pois vai desperdiçar seu dinheiro.


Ah, agora existe a prova em Português, o que agiliza muito e dá oportunidade para mais pessoas.


Desde que entrei no meio cervejeiro queria fazer essa prova, confesso que foi mais assustador que difícil. Não que tenha sido fácil, mas se você já faz cerveja em casa, analisa cerveja com frequência e estuda o Guia de Estilos, não tem como dar errado.


Depois que passar no exame online, aí que vem a parte difícil: conseguir uma vaga no Tasting.


O Tasting é a etapa de degustação de cerveja. Como eles precisam atestar se você tem habilidade para ser juiz, a prova consiste na avaliação de 6 cervejas, com 15 minutos para cada. O objetivo é analisar os atributos das cervejas e dar pontos, a pontuação máxima é 50 e tudo isso é indicado pelo Guia. Neste caso, não é somente estar boa ou ruim, é preciso identificar se as características da bebida se encaixam no estilo proposto de acordo com o Guia.


Pra conseguir uma vaga é preciso ficar de olho no site, lá tem o calendário das provas agendadas em todos os países, aí você procura as disponíveis no Brasil e a mais próxima. E então entre em contato com o responsável indicado no site, ele vai seguir com as instruções pra entrar na fila, sim tem fila e geralmente a cada prova são 12 pessoas. E a regra é: quando abrir as inscrições, quem chegar primeiro leva.


Quando você consegue a vaguinha, é preciso pagar uma taxa de R$180 e aí meu filho, é estudar!!

Estudar de uma forma boa, é claro. No site do BJCP tem uma ficha de avaliação que é a utilizada em concursos, a súmula. Minha dica é passar a avaliar todas as cervejas que for tomar a partir dela.



A partir da súmula, é possível se guiar para avaliar a cerveja, o ideal é treinar várias vezes na própria folha, preenchendo a mão, de lapiseira de preferência, pois durante a prova é assim mesmo. E ainda indico cronometrar a análise, porque acredito que a maior dificuldade da prova seja o tempo e não a avaliação sensorial em si.


Durante a prova, mais três juízes de alto ranking terão a função de proctors, em sala separada analisam as mesmas cervejas que os aspirantes a juízes, é uma forma de comparar as notas e análises de cada.


Talvez, o que mais você deve considerar nas respostas é o feedback, isso é essencial! Dar um retorno educado e gentil de como está a cerveja e como ela pode melhorar.


Depois da prova, o resultado sai em tchan tchan thaaan....até 6 meses. Haja ansiedade, tem que esperar.


O próximo passo é o exame escrito de proficiência, esse tem um nível de dificuldade maior, é inteiro descritivo e como o Tasting também deve ser acompanhado através do site, e tem poucas datas.


Ainda não cheguei nessa parte e quando chegar conto pra vocês.


O BJCP, auxilia a regular o mercado e manter as cervejas dentro de um certo padrão, ajudando tanto quem vai fazer uma cerveja, quanto quem vai consumir uma cerveja.


Se você pretende se tornar um juiz, estude, beba e estude. Analise cada cerveja que puder, desde as mais simples até as mais complexas. Não é obrigatório ser sommelier para realizar a prova, mas ajuda muuuito, pois no curso você passa a criar sua biblioteca sensorial como falei no post O que faz um sommelier.


Acesse aqui: https://www.cervejaemfoco.com/post/o-que-faz-um-sommelier-de-cerveja






©2020 por Cerveja em Foco. Desde 2014